terça-feira, 14 de outubro de 2014

Tesouro viking


Um fã de detectores de metais fez uma de suas descobertas mais notáveis, a do maior tesouro viking já encontrado na Escócia, informaram as autoridades nesta segunda-feira. A descoberta, que deve ajudar a esclarecer a relação da Escócia medieval com outras partes da Europa, é composta por mais de 100 objetos dos séculos IX e X, incluindo lingotes de prata, moedas de ouro, broches, pulseiras e um crucifixo também feito de prata. Derek McLennan, de 47 anos, encontrou o tesouro há um mês, a apenas 60 centímetros abaixo do solo em Dumfriesshire, no sudoeste da Escócia. O local exato da descoberta não foi divulgado por razões de segurança, mas trata-se de um edifício de propriedade da Igreja da Escócia. McLennan, um empresário aposentado, começou a rastrear terrenos com um detector de metais há três anos e, durante este período, encontrou, além do tesouro viking, moedas medievais. "É definitivamente o tesouro viking mais importante da Escócia", declarou à AFP Stuart Campbell, diretor do Treasure Trouve Unit, o organismo público escocês que supervisiona as descobertas desse tipo.

Fonte: Terra

Nenhum comentário:

Postar um comentário